Melhor parte

 

Parte de mim é infante...

E, como tal, se comporta às avessas,

Sobe em muros, atravessa!

 

Parte de mim é devaneio...

E, como tal, muito mal se expressa,

E sente tudo o que não interessa!

 

Parte de mim é coragem...

E, como tal, vive com pressa,

Corre, sofre, se estressa...

       Voltar

Parte de mim te ama de um tanto,

Que a parte se torna um todo

E esquece a alma num canto.

 

Parte de mim se cansa...

Parte de mim avança...

Grande parte de mim ao amor se lança!

 

(Inverno de2003)

 

Hosting by WebRing.